Parceira da XI Bienal Internacional do Livro de Pernambuco conquista reconhecimento internacional

A escritora pernambucana Patrícia Gonçalves Tenório comemora conquista do seu trabalho “A menina do olho verde”, e que acaba de ser contemplado com o prestigiado Prêmio Il Convívio, na Itália. A premiada autora, que coordena na XI Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, a acontecer de 06 a 15 de outubro, o I Seminário Nacional de Escrita Criativa, organizado pelo pioneiro na área, o escritor e professor gaúcho Luiz Antonio de Assis Brasil, editou o prestigiado livro com a Editora Raio de Sol no ano passado. E acabou lançando a publicação, lançado em maio na Livraria Cultura do Riomar, que integra artes a textos que refletem discussões sobre o nosso lugar no mundo a partir de personagens singulares registrados no livro que contam com diversos recortes de suas vidas em momentos distintos na qual a autora evidencia as peculiaridades da vida: medos, lutas, esperanças.

Escrevendo prosa e poesia desde 2004, Patrícia Gonçalves Tenório tem onze livros publicados: “O major – eterno é o espírito” (2005), “As joaninhas não mentem” (2006), “Grãos” (2007), “A mulher pela metade” (2009), “Diálogos e D´Agostinho” (2010), “Como se Ícaro falasse” (2012), “Fără nume/Sans nom” (Ars Longa, Romênia, 2013), “Vinte e um/Veintiuno” (Mundi Book, Espanha, abril, 2016), e este premiado “A menina do olho verde” (livros físico e virtual, Recife e Porto Alegre, maio e junho, 2016). Traduzido para o italiano por Alfredo Tagliavia, La bambina dagli occhi verdi foi publicado em setembro, 2016 pela editora IPOC – Italian Paths of Culture, de Milão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *